Categorizado | Pedro Migão

Dicas de Mobilidade Urbana para a Rio 2016 (I)

20140704_103014

Na última quinta feira, sob a marca de 50 dias para os Jogos Olímpicos, a Prefeitura do Rio de Janeiro divulgou o Guia de Mobilidade completo no site Cidade Olímpica. Nele, encontramos os bloqueios de trânsito e estacionamento, as opções de transporte e seus horários de funcionamento e as linhas especiais que irão atender aos detentores de ingressos para a Rio 2016.

Antes de mais nada, vale dizer que algumas das opções de transporte – como a Linha 4 do Metrô, os serviços especiais de BRT e estações de transporte coletivo dos locais de competição – somente poderão ser acessadas com a utilização do Cartão Olímpico (25, 70 e 160 reais por um, três e sete dias respectivamente. A venda já deveria ter se iniciado, mas segundo apurei o COI ainda tenta fazer o Comitê cumprir a promessa da candidatura de fornecer transporte gratuito ou, ao menos, diminuir o custo – que, para uma família de quatro pessoas, por exemplo, realmente será bem elevado.

A ideia deste artigo, dividido em dois, é resumir o conteúdo do site em três partes, a saber: bloqueios de trânsito, opções de transporte (hoje) e sugestões de deslocamentos (amanhã). Obviamente, recomendo uma visita atenta ao site após a leitura deste artigo.

info31 – Bloqueios de Trânsito

Aqui podemos dividir o tema em duas partes: na primeira as restrições de circulação e a segunda, os bloqueios propriamente ditos nos locais de competição.

No dia 25 de julho se inicia a implantação das chamadas “Faixas Olímpicas”, divididas em três tipos: as “dedicadas”, na cor verde, exclusivas da organização da Rio 2016 e todos os seus diversos vetores. As “prioritárias”, azuis, onde a denominada “família olímpica” terá a companhia de ônibus e táxis. E por fim as compartilhadas, que os demais veículos podem utilizar.

info6O gráfico ao lado (clique para ampliar) mostra as vias urbanas que serão alvo das faixas dedicadas e prioritárias a partir do dia 25 de julho.

Já se pode dizer que, com a Estrada do Galeão (esta até a Portuguesa, de acordo com a sinalização que está se implantando), a saída da Ilha do Governador, a Avenida Brasil e a Linha Amarela alvo de linhas prioritárias ou dedicadas, a Ilha do Governador será talvez o bairro onde não há instalações de competição mais afetado pelo esquema especial de trânsito. Possivelmente por isso a Linha Vermelha não tenha sido incluída nestas faixas especiais de deslocamento.

A Zona Sul, especialmente São Conrado, também está bastante impactada pela implantação destas faixas especiais de rolamento – que já começam a ser pintadas. Também estão sendo instalados radares a fim de multar os veículos não autorizados que trafegarem por estas faixas. A multa é salgada: R$1.500.

A circulação de caminhões e veículos de entrega também estará restrita em um longo trecho da cidade desde o dia 18 de julho até o final das Paralimpíadas (imagem no alto do tópico).

Ou seja: se puder, leitor, deixe o carro em casa o máximo que puder. Ainda que haja férias escolares no período, ficará bastante complicado se deslocar pela cidade. Para moradores dos bairros onde há instalações e mais alguns outros como São Conrado e a Ilha do Governador, isso será quase imperativo.

Já os locais de competição terão bloqueios de trânsito mais ou menos fixos. Parque Olímpico/Riocentro, Deodoro e Engenhão com áreas mais extensas de circulação restrita a carros autorizados e moradores, área do Maracanã e arena do vôlei de praia com bloqueios menores – falarei mais à frente, mas nestas duas últimas se torna viável caminhar até uma zona de trânsito livre e tentar pegar um táxi ou Uber.

Notem os leitores, adicionalmente, que especialmente as áreas do Maracanã e do Sambódromo possuem diferenças nos bloqueios de acordo com os esportes. Para a área do Maracanã as restrições e bloqueios serão muito maiores nos dias de Cerimônia (com Abertura tendo mais exigências que o Encerramento) e no futebol que nos dias onde haverá apenas a disputa do vôlei. No Sambódromo as restrições para a disputa do tiro com arco serão bem menores que as exigidas pela disputa da maratona.

Vale um aviso a quem tiver ingressos para o Parque Olímpico nos dias 6 e 7, primeiros de competições extra futebol: a Zona Sul e a região da Barra estarão com extensas interdições devido à prova do ciclismo de estrada. Evite a todo custo utilizar o carro para fazer parte do percurso, especialmente se o leitor tiver ingressos para sessões até as 13 horas.

Ressalte-se também que há ruas onde o estacionamento será proibido durante as competições, ainda que o tráfego seja permitido. Outro ponto de atenção será a inversão de mão de algumas ruas próximas ao Engenhão. Além disso, a Transolímpica, que liga os Parques Olímpicos de Jacarepaguá e de Deodoro será restrita ao BRT e a veículos autorizados.

BRT Especial Rio20162 – Opções de Transporte

O segundo tópico a ser abordado são as opções de transporte disponíveis, já que, como vimos, será impossível chegar de carro aos locais de competição. Basicamente os modais disponíveis serão três: o Metrô, o serviço de trens e o BRT, serviço de ônibus expresso.

Este último terá mantidos seus serviços normais e contará com quatro linhas extras e expressas, que somente poderão ser acessadas com o Cartão Olímpico de transportes. As três primeiras ligarão os Parques Olímpicos de Deodoro e de Jacarepaguá, o Metrô Linha 4 e o Parque Olímpico e a estação do metrô Vicente de Carvalho e o Parque Olímpico, todas com serviço 24 horas. A quarta ligará o Metrô Linha 4 com o campo de golfe no Recreio dos Bandeirantes, das 5 às 18 horas.

Um detalhe importante é que a Transcarioca só terá acesso à estação Centro Olímpico através deste serviço especial vindo de forma semidireta de Vicente de Carvalho. O serviço normal dará acesso através da estação Rio II, que fica a uns 500 metros da entrada principal do Parque Olímpico.

Uma coisa é certa: para se chegar ao Parque Olímpico/Riocentro, somente via BRT, ainda que conjugado com algum outro meio de transporte. Os bloqueios de trânsito ficaram bastante extensos, ou seja: táxi nem pensar. E os engarrafamentos resultantes devem dificultar bastante a opção de parar em shoppings como o Via Parque ou o Barra Shopping e pegar o BRT.

tabela-cartaoO Metrô irá funcionar da forma apresentada na imagem acima. As exceções serão dia 14 (onde a abertura será a mesma dos dias úteis) e os dias das Cerimônias de Abertura e Encerramento, onde todos os modais irão funcionar até as duas da manhã. Como vêem, as estações que atendem o Maracanãzinho na Linha 2 irão fechar mesmo ANTES do término dos jogos da última sessão, praticamente todas elas envolvendo o Brasil – e isso inclui, também, o dia da final feminina.

A Linha 4, que estará em período de testes durante a Rio 2016, irá funcionar apenas para quem detém credencial ou ingresso olímpico. Sua estação terminal no Jardim Oceânico estará integrada ao terminal do BRT para acesso ao Parque Olímpico.

Os trens irão funcionar nos horários habituais, mas com saídas com horário estendido da Vila Militar e do Engenhão durante as competições e do Maracanã/São Cristóvão nos dias das cerimônias. Isto significa que o trem também irá parar de circular antes do término das partidas do vôlei, deixando o morador da Zona Norte que for assistir às partidas apenas com a opção dos escassos ônibus que circulam nestes horários por esta região.

Mudando de assunto, será algo trivial se utilizar de mais de um modal de transportes ou ainda de baldeação dentro de um mesmo modal. Uma dúvida que eu tenho é a seguinte: no caso do BRT os detentores de ingressos que vierem pelo sistema “normal” até Madureira ou Vicente de Carvalho, por exemplo, terão de sair da estação e retornar para poder utilizar o serviço especial? Ou o transbordo poderá ser feito dentro da estação? A dúvida é a mesma para a transição Linha 1/Linha 4 do Metrô em General Osório. Este é um ponto que o site não deixa claro e que a Prefeitura deveria esclarecer.

Obviamente, não esgoto o tema aqui, a ideia era a de se fazer um resumo. Amanhã, na segunda parte, vou colocar as opções de deslocamento saindo de vários locais da cidade, com tempos aproximados. Até lá.

Imagens: Cidade Olímpica e Arquivo Ouro de Tolo

58 Respostas para “Dicas de Mobilidade Urbana para a Rio 2016 (I)”

  1. Igor disse:

    Bom dia Migão. Eu ficarei hospedado na Barra da Tijuca, Avenida das Américas, bem na altura do Parque Olímpico. Para o deslocamento Barra-Maracanazinho e Maracanazinho-Barra qual será o melhor deslocamento? Haverá disponibilidade deste trajeto após os jogos noturnos de volei?

    Obrigado.

    • Pedro Migão disse:

      Amanhã teremos post, mas será BRT + Metrô. Sobre os jogos noturnos do vôlei, minha dúvida é se você conseguirá chegar a tempo para a troca da Linha 1 para a Linha 4 no Jardim Oceânico.

      • Marcus disse:

        Acho impossível. Começando o jogo 22h15, e acabando meia noite, digamos. Dá pra correr e pegar a linha 1 para a zona sul (o último sai 01h30). Mas aí tem que ser tudo muito rápido e certo pra conseguir chegar na linha 4 antes de 1 hora. Jogo indo para o quinto set e o torcedor (que pagou centenas de reais por um ingresso) tendo que ir embora sob pena de ficar ilhado e sem ter como voltar para casa/hotel.

        Lembro que mais da metade das pessoas nos jogos estarão numa cidade que não é a delas, em muitos casos sem falar e língua, de madrugada em locais notórios pela periculosidade. Estão abusando…

        • Pedro Migão disse:

          A questão aí principal acho que nem é a segurança. Para mim está claro que vão encher de PM até o Metrô e depois nos principais locais de transbordo. O problema maior é o pessoal da Zona Norte sem transporte.

  2. Thiago disse:

    Pedro, ótimo texto. Agora uma duvida: Dia 19/8 (sexta) tenha duas semis do Volei e Basquete Masculino….alguma dica de mobilidade para esse dia? Nao gostaria de perder nenhum evento…..estou em 6 pessoas pensei em alugar uma van com com motorista (o dia 19 inteiro)….acha essa ideia valida?…ou é melhor transporte publico…no trajeto Parque Olimpico- Maracanazinho. Obrigado

    • Pedro Migão disse:

      Eu também tenho essa dobradinha noturna (a diurna é incompatível), mas estou pensando em abrir mão do vôlei. Alugar van só se esta puder ir nas zonas de bloqueio, caso contrário, esqueça. O caminho será pegar o serviço especial do BRT, descer em Madureira e tomar o trem.

      • Mauricio Lucio disse:

        Migão, então vc acha melhor para ir do Centro Olimpico ate o Maracanãzinho pegar BRT ate Madureira + Trem do que ir de BRT ate Jardim Oceanico + Metro?

        • Pedro Migão disse:

          Acho. O serviço de BRT especial será praticamente direto e o trem só para no Engenhão entre Madureira e o Maracanã. Via Metrô são três transbordos. Eu abordarei isso na segunda parte

  3. marcio disse:

    Bom dia Migão. Parabéns pelo melhor blog da Rio 2016 ! Qto tempo vc acha que irá levar o trajeto entre as estações olímpicas (utilizando transporte público). Barra/Deodoro? Deodoro/Engenhão? Engenhão/Maracanã? Maracanã/Barra?

    Abs e obrigado

    • Pedro Migão disse:

      As três primeiras em torno de 1 hora a 1 hora e 15 – sem contar saída e entrada de arenas – e a última algo em torno de 1h30 a 1h40

  4. Marina disse:

    Bom dia! Parabéns pelo post Pedro! Então, eu tenho uma dúvida a respeito das linhas normais de ônibus, você tem alguma informação se nas Olímpiadas elas vão ter um horáro diferenciado também?

    • Pedro Migão disse:

      Única informação que eu tenho, e em off, é que está previsto um reforço na região do Maracanã. Agora, com metrô Linha 2 e trem fechados ao término das sessões noturnas de vôlei, vai se precisar reforçar também as linhas que vem do Centro da cidade para as Zonas Norte, Oeste, Baixada Fluminense e Ilha do Governador – e não há qualquer informação disponível sobre isso.

  5. Mauro García disse:

    Ola Pedro, como sempre eu leo desde Argentina. (sorry my Portunhol) em relação ao que você disse que o transporte “gratuito”. o revendedor na Argentina em seus termos de contrato diz
    “Cada bilhete comprado inclui o transporte público diariamente para os locais ”
    O revendedor hoje diz que não há informação sobre transportes

    Minha pergunta é sobre o transporte do Aep Galeão à Barra Parque Olímpico.
    Transporte para recomendar? BRT o táxi ?
    Bagagen de viagem tamaño grande pode cargar na BRT?

    Graciar

    • Pedro Migão disse:

      Isso será alvo do post de amanhã, mas venha de BRT ou de ônibus especial até o terminal Alvorada

  6. igor rabelo disse:

    Excelente texto, como de costume. A mobilidade nesses jogos é o que mais me preocupa, especialmente após as partidas noturnas no Maracanazinho. Espero que as autoridades revejam tal posicionamento quanto ao horário de encerramento das operações de metrô e trem.

    • Pedro Migão disse:

      Escrevendo a parte II deste artigo me dei conta que a implicação desta medida é muito maior do que a imaginada. Para começar a brincadeira terão de dar uma atenção especial à segurança na Cidade Nova e Leopoldina, áreas que serão baldeação de quem vier do Maracanãzinho. E ali é uma região que nem de dia é segura…

  7. Murilo disse:

    Excelente post, na verdade estou um pouco perdido quanto aos transportes no Rio ainda. Amanhã quando fizer se puder colocar uma previsão de tempo de demora entre as rotas seria bastante útil para planejamento, pensar em revender alguns ingressos e etc.

    • Pedro Migão disse:

      Teremos isso sim para as rotas entre os parques olímpicos. Nas demais fica muito difícil se fazer uma estimativa

  8. rafael disse:

    Nao consigo entender como será realizada a separação na estação de Vicente de Carvalho….. Vai ser complexo isso…

    • Pedro Migão disse:

      Como escrevi no texto, esta é uma dúvida que também tenho – e irei tirar na prática rs

      • rafael disse:

        Meu acesso ao BRT será sempre pela estação de Vicente…..Vms ver…..Nao vejo necessidade em utilizar o Cartão olímpico….

        • Pedro Migão disse:

          Se quiser pegar o serviço especial, precisará do Cartão Olímpico e do ingresso. Para o normal, mais lento (por que para mais e deixa na Rio II, mais distante do Parque), não.

  9. Mauricio Lucio disse:

    Migão, mais uma vez informações muito uteis.
    Pelo que entendi, quando for do Parque Olimpico ate o Engenhao, não precisarei pegar o BRT “normal” ate Madureira na estacao Rio2. Poderei pegar essa linha especial semidireta na estão Parque Olimpico que vai para Vicente de Carvalho e saltar em Madureira para depois pegar o trem? Estou certo?

    • Pedro Migão disse:

      Correto, desde que tenha o ingresso e o tal Cartão Olímpico. A propósito, fiz uma consulta ao perfil do Centro de Operações no Twitter e quem for pegar o serviço especial em Vicente de Carvalho terá de apresentar o cartão olímpico e o ingresso, mas não precisará sair da estação

  10. Paulo disse:

    Pedro,
    Boa tarde, tudo bem?

    Primeiramente, parabéns pela ótima cobertura!

    Gostaria de saber o que você me sugere para os deslocamentos abaixo, destacando que chego no Rio (Galeão) às 15:45hs no dia 06 e meu primeiro evento será no Maracanãzinho às 20:30hs; nesse caso posso ir direto para o evento ou passar antes na casa da minha mãe para deixar a mochila; ela mora em Jacarepaguá e fica há uns 15 min (de carro) do Via Parque.

    Dia 06: Maracanãzinho às 20:30 e Engenhão às 22hs (minha intenção é assistir ao primeiro jogo de vôlei no Maracanzinho e o segundo do futebol no Engenhão);

    Dia 07: Maracanãzinho às 09:30hs; Arena Carioca 1 (Basquete) às 14:10hs; Arena do vôlei de praia às 15:30hs (como são 04 jogos, vou abrir mão do primeiro jogo porque o basquete terminará às 16hs); Arena Carioca 1 às 22:30hs;

    Dia 19: chegada no Santos Dumont às 16:10hs e evento às 17:30hs no Maracanã;

    Nos dias 20 e 21 os horários estão mais espaçados e os deslocamentos basicamente serão entre a Arena Carioca e o Maracanãzinho.

    Desde já te agradeço pela ajuda!

    Abraços!

    • Marcela disse:

      Aproveitando o gancho, gostaria de saber se haverá BRT especial do Galeão até o Parque olímpico. Obrigada!

      • Pedro Migão disse:

        Você fará o mesmo percurso que eu: BRT normal expresso até Vicente de Carvalho, troca de carro dentro da estação e BRT olímpico expresso até o Terminal Centro Olímpico. O Cartão Olímpico de transporte é necessário

  11. Clovis disse:

    Pedro, muito boas as informações.

    Eu particularmente tenho uma pergunta: chego ao Santos Dumont e vou para o Engenhão.

    Na volta, vou do Engenhão para a Rodoviaria.

    Quais são os meios de transporte que voce me recomenda considerando que tenho tempo de sobra para chegar ao estadio olimpico?

    Obrigado

  12. Raphael Florencio disse:

    Pedro, grande iniciativa, cara.

    Mais uma dúvida: esses expressos e semi-expressos Jd. Oceânico – Centro olímpico serão exclusivos pra quem tiver o cartão olímpico de transporte? Se for, por essa eu estava despreparado…

    Valeu e mais uma vez obrigado pelas dicas.

    • Pedro Migão disse:

      Sim, serão. A alternativa será descer na Alvorada, pegar o Transcarioca semiexpresso sentido Galeão e descer na estação Rio II – a uns 500 metros da entrada do Parque

  13. Filipe disse:

    Parabéns pelo post, Migão! Tenho uma pergunta e um comentário:

    A pergunta: está de fato confirmado que dia 5 o Metrô Linha 2 estará aberto até as 2h da manhã do dia 6?

    O comentário: o Guia do Espectador do tiro com arco prevê que o caminho entre a Estação Praça Onze e o acesso à arquibancada vai ser feito por dentro da Marquês de Sapucaí. Se for confirmado, será uma oportunidade única pro espectador fã de carnaval que nunca desfilou numa escola de samba de passar pela Sapucaí em uma situação tão inusitada.

    • Pedro Migão disse:

      1) Está. Pelo menos isso, embora a previsão de término da Cerimônia de Abertura seja por volta das 23 horas;
      2) Eu já tinha reparado nisso, é verdade

  14. Bruno disse:

    No maracanazinho após meia-noite no jogo noturno do Brasil, dá pra pegar um Uber. Vi pelo aplicativo e até minha casa não fica tão caro

  15. Regis Andrino disse:

    Migão,

    Tenho sentido falta de algo mais prático, tipo um mapa que mostre quais transportes pegar para circular entre as sedes no menor tempo.

    Parque Olímpico – Maracanã – Engenhão – Deodoro

    Incluindo os tempos médios de deslocamento.

    Por exemplo: Para que está hospedado em Copacabana…

    Metrô Linha 1 até General Osório, Linha 4 até Jardim Ocêanico – BRT ? até Parque Olímpico

    • Pedro Migão disse:

      Regis, eu já pensei nisso, mas minha habilidade com programas de imagem é abaixo de zero. Se algum leitor quiser me ajudar, agradeço.

  16. claudio sampaio disse:

    Parabéns pelas orientações/esclarecimentos! Tento há 3 meses no Comitê Olímpico, serviço de BRT, Secretaria Transporte saber o tempo de deslocamento previsto entre a Arena Olímpica e Maracanã e NINGUÉM sabe! Já percebi que terei que escolher entre assistir final Volei e ou Basquete. Q Me_ _ _.

  17. Patricia disse:

    Bom dia! Quero ir de Niterói para a Arena Carioca 1. Qual o melhor transporte e onde pego?

    • Pedro Migão disse:

      Sugiro vir de carro até as proximidades de uma estação de Metrô e dali fazer o combo Linha 1 + Linha 4 + BRT

  18. Deise Maria Zavan Tristão disse:

    Boa noite !
    Qual melhor opção para pegar um táxi até o Galeão, partindo do Parque Olímpico da Barra ?
    Onde conseguirei pegar um táxi, sendo que os mesmos não terão acesso a região do Parque Olímpico da Barra ? Obrigada.

  19. CAMILA SANCHES disse:

    Pedro, não sei se já sanou esse tipo de dúvida, mas fiz uma leitura dinâmica e não encontrei. Vou de carro de SP para o Rio pela Dutra. Estou muito confusa sobre onde estacionar o carro e que modalidade de transporte usar para chegar. Meus jogos são na Arena do Futuro, no sábado dia 13/08. Devo comprar pela internet o riocard ou deixo para comprar lá? Obrigada desde já!

    • Pedro Migão disse:

      Não vai sair barato, mas deixe o carro no Galeão e pegue o BRT expresso lá. Desça em Vicente de Carvalho e pegue o BRT especial até o Parque Olímpico. O Cartão Olímpico especial de transporte se faz necessário

  20. Símon disse:

    Bom dia Pedro!! Tudo bem?
    Estou me hospedando proximo ao aeroporto santos dumont, qual a melhor forma ( rapida e segura )de chegar à arena carioca 1, lembrando que vou com minha esposa e meus dois filhos.
    obrigado!!!

    • Pedro Migão disse:

      VLT, Metrô na estação Cinelândia, Linhas 1 e 4, BRT o Jardim Oceânico. O Cartão Olímpico é necessário

      • Símon disse:

        Pedro, no caso do metro eu pego na estação cinelandia e desço onde ? pois não conheço nada ai. tem algum meio de transporte direto, sem ter que fazer baldeação ?

        • Pedro Migão disse:

          Desça em Gal Osório, troque para a Linha 4 na mesma estação, desça no terminal Jardim Oceânico e pegue o BRT no mesmo lugar. Estará sinalizado com placas, já vi ontem no Metrô

  21. Flávia disse:

    Oi, Migão,
    Eu trabalho na Av. das Américas perto do BarraShopping… e não sei se o meu ônibus vai ser impactado. Onde eu acho esta informação?
    Flávia

  22. Jonas Mello disse:

    Olá bom dia, tenho uma duvida? estarei hospedado na barra ta tijuca. proximo avenidas das americas. nos dias dos jogos será q eu consigo chegar de taxi até ao parque olimpico, mesmo possuindo ingressos?

Trackbacks/Pingbacks

  1. […] na primeira parte do artigo com dicas de mobilidade urbana para a Rio 2016, mostramos um resumo dos bloqueios de trânsito e alterações viárias na cidade durante o […]


Visitas

Facebook