Categorizado | Golden Set

Arianne: a Guerreira Tricolor

fluminense_superliga

O Fluminense disputa a Superliga Feminina pela primeira vez e veio para esta temporada com uma equipe que mescla jogadoras mais experientes, com amplo currículo no voleibol, como a campeã olímpica Sassá e a oposta Renatinha, e também jovens jogadoras, como a central Lara e a oposta Arianne.

Arianne Tolentino foi a jogadora escolhida pelo blog para a entrevista da semana, e contou com muita simpatia um pouco sobre a sua carreira e os desafios do tricolor carioca nessa temporada.

A oposta mineira é também companheira de time da irmã, a levantadora Jordane Tolentino. Arianne jogou em diversos clubes brasileiros e do exterior, entre eles Mackenzie, Pinheiros, Vôlei Futuro e Boca Juniors.

O tricolor carioca é um dos tradicionais clubes brasileiros, tem grande torcida e investe bastante na base do esporte. O resultado disso foi o acesso à elite do esporte essa temporada, após a conquista da vaga no Torneio Seletivo.

Além disso, é importante destacar que em 2016 o Fluminense foi o campeão estadual de todas as categorias de vôlei, do mirim à adulta. Nesta última, o time conseguiu o feito de vencer o favorito Rexona –SESC, por 3 sets a 2 (25/23, 13/25, 21/25, 25/20 e 16/14), em jogo realizado no fim de setembro.

Atualmente, o clube está na oitava posição na Superliga. Até o final do returno, o Fluminense precisa se manter entre as oito primeiras equipes da competição para disputar os playoffs. Os jogos da equipe são realizados no Hebraica, nas Laranjeiras, mesmo bairro onde se encontra a sede da equipe.

A entrevista do blog Ouro de Tolo foi realizada ao fim da partida entre Rexona-SESC e Fluminense, a qual o Rexona-SESC venceu por 3 sets a 1 (30×28, 19×25, 25×12 e 25×18). Arianne está se recuperando de uma lesão e por isso desfalcou o time nessa partida. Confira alguns trechos da entrevista abaixo, que pode ser conferida na íntegra ao fim da matéria.

OT: Qual foi sua principal motivação para retornar ao Fluminense?

Arianne Tolentino: Possuo uma história muito legal com o Fluminense desde a sua primeira passagem em 2012. […]

OT: Quais foram os principais questionamentos e a sua principal motivação para voltar a jogar, após ter feito uma operação para corrigir um problema no coração?

Arianne Tolentino: Eu era muito nova e só queria voltar às quadras, pois amo o meu trabalho. Foi passando por isso que tive ainda mais garra,força e vontade, não só na vida, como também para voltar a jogar voleibol.

OT: Qual é a expectativa do Fluminense na sua primeira participação na Superliga A?

Arianne Tolentino: As expectativas são as melhores possíveis. O time terminou o primeiro turno na oitava posição e a intenção é continuar ali pra mais. O máximo que a gente puder fazer, a gente vai fazer.

O restante da entrevista pode ser conferido no vídeo abaixo:

Imagens: Ricardo Haleck e Jayson Braga

37 Respostas para “Arianne: a Guerreira Tricolor”

  1. Andressa Salça disse:

    Toooop, Parceira! Nessa vibe!!

  2. Luana Lopes disse:

    Show! Muito boa a matéria.

  3. roberto assys disse:

    Guerreira,que nem o meu querido tricolor. Vanessa,vi a íntegra da entrevista no vídeo…muito bom!

  4. Marilaine disse:

    Fluminense como vários outros times nessa superliga estão vindo a todo vapor,Arianne é uma ótima atleta é parece está se encontrando bem na equipe atual,que venha as surpresas nessa temporada 16/17.Parabéns pela matéria Huback,ótima como sempre.

  5. Rafaela Corrêa disse:

    Vanessa parabéns cada matéria show!!

  6. Cristiane disse:

    Matéria maravilhosa! Adorei a entrevista e a simpatia da Arianne!! ??

  7. Rosana disse:

    Que entrevista maravilhosa

  8. Vera Moura disse:

    A matéria é excelente!!! Parabéns está se saindo muito bem como entrevistadora.

  9. Cláudia Gomes disse:

    Bela entrevista!Parabéns Vanessa pela matéria.

  10. Thaís Pedretti disse:

    Ótimo texto!!!

  11. Veronica Correia de lira disse:

    Legal o artigo, dinâmico , parabéns!

  12. Samuel Junior disse:

    Parabéns pela matéria!!!

  13. julio cezar disse:

    Mais um ótimo texto, Vanessa!!!

  14. Priscila Evelling disse:

    Que show!!!!Arianne esta crescendo e destacando. Parabéns otima matéria Vanessa!!!

  15. Isabela Carvalho disse:

    Mto legal!!!

  16. joyce disse:

    Parabéns mais uma vez Huback, ótima entrevista.

  17. BEATRIZ disse:

    Parabéns Huback pela matéria, ficou ótima. ??

  18. Fátima Huback disse:

    Parabéns, belo texto perfeito!!

  19. Robson Sousa disse:

    Ótima matériaVanessa. O Fluminense tem tudo para surpreender nessa SuperLiga. Perfeito texto ?????

  20. Luciana Amanda disse:

    Eu amei essa entrevista!

  21. Alice Frizza disse:

    Legal a matéria. A Ariane é yma grande jogadora e ótima companheira. Nota 10. Valeu, Vanessa Huback!!!

  22. Nathalia Arruda disse:

    Muito bom!

  23. Parabéns !!! excelente matéria… sucesso.

  24. Adriana Lima disse:

    Texto muito bem escrito. Parabéns Vanessa.

  25. Rôh disse:

    Mais uma matéria excelente!
    Mto bom contar com as suas matérias p conhecermos um pouco mais do Volei e das jogadoras!

  26. Angélica Costa disse:

    Parabéns, Huback!!!! Cada dia melhor!!! Na torcida por você, sempre!

  27. José Luís disse:

    Parabéns Huback. Na torcida pra que continue dando certo. Entrevista excelente

  28. Andréa Nanni disse:

    Parabéns Huback, excelente o texto, as informações relevantes e o texto bem dinâmico, leitura leve,bem informativo. A Arianna é muito simpática, suas perguntas muito pertinentes, o vídeo ficou de ótima qualidade.

  29. IRENI disse:

    Menina guerreira.otima matéria.

  30. Daniele Souza disse:

    Excelente texto! A entrevista ficou show!! Amei

  31. Cassius disse:

    Muito em, Vanessa! Bem que o Flamengo podia ter um time, não curto muito torcer pro Rexona, rs.

  32. Paulo Henrik disse:

    Ótimo texto e vídeo.
    Parabéns Van.

  33. Rodrigo Costa disse:

    Recuperando as origens do volei que o clube sempre teve. O titulo estadual ja foi uma grande conquista e de orgulho para a torcida. Força meninas! Avante Fluzaoo

  34. Rogério Marins disse:

    Excelente matéria… Vanessa, Parabéns pra você e para as meninas do vôlei do nosso tricolor carioca. PRA CIMA DELAS FLUZÃO!!!

  35. LUIZ HENRIQUE disse:

    Vanessa, Parabens pela materia e a camisa do Flu de Volei é muito bonita !

  36. Paulo Mattoso disse:

    Ótima matéria Vanessa,está de parabéns!!!

  37. Fernando Heide disse:

    Vanessa, legal ver um clube como o Fluminense investir no vôlei feminino. Defendo a ideia de que os clubes de futebol poderiam tornar ainda mais atraente o vôlei para o grande público, principalmente nos grandes centros urbanos. Acho que a ideia de times com nome de patrocinadores (ex: Rexona) funciona melhor em cidades médias / pequenas, onde o público abraçará o time local independente de paixões clubistas. Acho que em centros menores o time representa a cidade, criando uma identidade, mas em grandes polos urbanos construir essa química com a população é mais difícil se não for vinculada a clubes de futebol. O que vcs acham?

Trackbacks/Pingbacks


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Visitas

Facebook