Como escrevi ano passado em artigo sobre os enredos de 2019, costumo chamar de “bomba atômica” aqueles enredos que a comunidade pede todos os anos que a escola faça. 

São temas que motivam a comunidade e podem levar a agremiação a alcançar um resultado melhor que um desfile de temática “normal”, não especial – em que pese Salgueiro, Beija Flor e Portela não terem alcançado o objetivo proposto em 2019.

Este ano, após a “bomba atômica” da Mocidade Independente (Elza Soares), a Acadêmicos do Grande Rio lançou a sua: Joãozinho da Goméia, pai de santo e considerado um dos alicerces míticos de Duque de Caxias.

E o enredo da Grande Rio é o tema da minha coluna para o site “Samba é Paixão”. Além disso, me refiro ao racha anunciado na última quarta feira na Liesb, entidade que cuida dos grupos da Intendente Magalhães.

O vídeo está abaixo.

Imagem: O Globo/Fernando Maia (Grande Rio 1994)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.