Categorizado | Jogando nas Onze

O mês do calendário louco

IMG_20180802_015719

Agosto é injustamente atacado por coisas que ocorreram nele e ocorrem em todos os meses do ano. Alguns chamam de “mês do desgosto”, outros de “mês do cachorro louco”, uma injustiça com um mês que chega ao futebol.

No futebol brasileiro é o mês do calendário louco.

Enquanto na Europa os clubes voltam calmamente a rotina jogando competições de pré temporada e iniciando suas competições nacionais o ritmo será frenético no Brasil e por incrível que pareça punindo aqueles que mereciam ser premiados. Os clubes de maior competência.

Os envolvidos em Libertadores, brasileiro e Copa do Brasil, aqueles que fizeram o dever de casa direito, terão nove jogos em trinta dias. Algo desumano e louco, ainda mais se pensarmos que os mesmos ficaram mais de um mês sem jogos devido a copa.

Ficam um tempo sem jogar e já voltam em maratona. É difícil levar a temporada assim e os maiores beneficiados são os que tiveram temporada abaixo até agora e passaram por eliminações. A mediocridade sendo premiada.

Quem sobreviverá ao mês de agosto? Melhor, alguém sobreviverá? É chover no molhado repetir isso, mas é preciso repensar o calendário do futebol brasileiro. O chamado ano “atípico” de atípico não tem nada. Ano que vem tem Copa América e mais correria no calendário.

E o pobre mês levando a culpa…

Twitter – @aloisiovillar

Facebook – Aloisio Villar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Visitas

Facebook