Categorizado | Samba na Garoa

Os artistas da folia – Alex Fão

13652562_1572995782769105_1871520594_n_620

“Em 2017 teremos a maior águia da história da Nenê de Vila Matilde”

A série da coluna “Samba na Garoa” que entrevista os carnavalescos do Grupo Especial de São Paulo chega ao único estreante do ano. Trata-se de Alex Fão, que terá a responsabilidade de assinar o desfile da Nenê de Vila Matilde sobre a cidade de Curitiba.

Alex tem formação em moda e se especializou em design de assessórios como bolsas, sapatos e joias; chegou em São Paulo para trabalhar nesta área e rapidamente migrou para o carnaval. Sua primeira escola foi o Rosas de Ouro como aderecista e depois passou por Mocidade Alegre e Dragões da Real, como responsável pelas fantasias.

Seu último trabalho foi na Independente tricolor, quando foi carnavalesco e assumiu o comando da comissão de carnaval da escola. Agora chegou a vez do artista ter sua chance na elite do carnaval paulistano.

SG – Como você lida com o fato de ser estreante em uma competição que tem artistas tão consagrados?

Alex Fão – Na realidade, não me considero um estreante, pois sempre estive ao lado de pessoas que realmente trabalham com carnaval. Mas tenho consciência da responsabilidade que é essa disputa e lido com tranquilidade, mesmo sendo o mais jovem em meio a tantos carnavalescos experientes.

SG – Pelos protótipos deu para perceber sua preocupação rica em detalhes com que a vestimenta retrate o enredo da cabeça aos pés da fantasia, não somente no costeiro (resplendor). Como você define seu estilo de trabalho?

Alex Fão – Defino meu trabalho como figurino. Prezo a leitura e o cuidado em retratar a ideia e a concepção de forma subentendida. Logicamente que por se tratar de carnaval existe a necessidade tornar a estética e a plástica próprias para o desfile; porém dentro de um limite, pois a leitura do conceito é fundamental.

SG – O que pode nos revelar das alegorias, qual delas chamará mais atenção?

Alex Fão – Nossas alegorias serão todas articuladas, ou seja, serão cheias de movimentos que vão agradar ao público. Aposto muito no nosso carro abre alas, pois nele teremos a maior águia da história da Nenê de Vila Matilde.

Aguardem!

SG – Um enredo CEP é algo que vemos com muita frequência em São Paulo. De que maneira Curitiba será mostrada na avenida?

Alex Fão – Mostraremos uma Curitiba imponente, desde o seu primórdio até os dias de hoje. Destacaremos a importância do negro para a cidade, da mesma forma que citaremos a contribuição das diversas colonizações para a capital paranaense se tornar o que é hoje.

SG – Em uma entrevista recente você afirmou que deseja surpreender no seu ano de estreia no grupo. O que teremos de novidade neste desfile?

Alex Fão – Teremos alguns momentos cruciais em nossa apresentação, além das alegorias com exímio acabamento e de fácil leitura. Mas infelizmente por se tratarem de surpresas não posso revelar (risos).

Mas posso te garantir que são novidade muito elaboradas e pensadas, espero que o desfile da Nenê de 2017 agrade ao público. Valerá a pena esperar pela 6ª escola de sábado.

Os ensaios de quadra da Nenê de Vila Matilde são realizados aos domingos, às 18h30, com a entrada a R$10,00. Agnaldo Amaral e a bateria da Nenê comandaram a galera no último ensaio técnico da escola no Anhembi sexta passada (3 de fevereiro), às 20h30.

Imagem: Assessoria

Uma resposta para “Os artistas da folia – Alex Fão”

Trackbacks/Pingbacks


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Visitas

Facebook