(por Cleber Caldas, paulista, engenheiro eletrônico, fanático por esportes e árbitro qualificado de saltos ornamentais)

Finalmente as bilheterias Rio 2016 começam a ser abertas!

Retirei meus ingressos do tipo “bilheteria” na unidade aberta no Shopping West Plaza, que é a única aberta em São Paulo, na zona oeste, e funciona no mesmo horário das demais lojas do shopping, no segundo piso do bloco B.

Primeiramente me foi solicitado o cartão de crédito usado na compra dos ingressos e um documento com foto.

Perguntei se seria possível retirar apenas parcialmente os ingressos e deixar outra parte para retirar depois. Até acenaram com a possibilidade, apesar de não ser o padrão. O atendente foi até a parte interna conversar com alguém sobre isso; mas dada a incerteza, terminei por solicitar a impressão de todos.

bilheteria olímpica gecomOutra questão foi quanto a poder ou não imprimir os ingressos adquiridos em outra conta, mas pagos com o mesmo cartão de crédito. Novamente a primeira resposta foi não, mas logo a seguir a informação foi reconsiderada: disseram que como foram pagos no mesmo cartão, poderia ser possível – e de fato foi.

Ao ler o cartão, o sistema mostra todos os ingressos adquiridos através dele em ordem cronológica, independentemente de em qual conta foi feita cada aquisição, e as impressões são realizadas sequencialmente. Para cada pedido de ingressos impresso, uma foto do solicitante é registrada com uma webcam. E esse processo se repete até o fim das impressões.

Os funcionários – em grande número, apesar da inexistência de movimento, foram simpáticos e prestativos. Porém, a insegurança nas informações passadas era patente. A única dada com toda certeza foi sobre as liberações de ingressos que ocorrem às quintas-feiras, o que não era novidade.

Ao perguntar sobre a venda do ingresso complementar, para transformar uma meia entrada em inteira, a informação foi que isso só será possível mais para frente, talvez na metade de julho, e não houve muita segurança em informar como isso poderá ser feito.

Apesar do processo um pouco lento e confuso, saí de lá com todos os tickets impressos de forma correta.

ingressos versão bilheteriaO ingresso retirado em bilheteria é pouca coisa maior que os enviados via sedex. Impresso em papel com mais gramatura que uma folha de sulfite comum, mas bem mais fino que os comemorativos.

Algumas das bilheterias já abertas pelo Brasil:

Rio de Janeiro
– Shopping Leblon
– Shopping Via Parque

São Paulo
– Shopping West Plaza

Belo Horizonte
– Boulevard Shopping

Outras ainda deverão abertas, como em Salvador, no Shopping da Bahia, e nas arenas que receberão partidas de futebol pelo país.

Imagens: Arquivo Pessoal, Rio 2016 e Globoesporte.com, na ordem

[related_posts limit=”3″]

17 Replies to “Rio 2016: o Processo de Retirada de Ingressos em Bilheteria”

  1. Ótimo artigo Cleber! Será que serão abertas outras bilheterias em Sampa? Ou aqui só funcionará a do shopping West Plaza?

    1. Obrigado Igor! Segundo informações passadas pelos próprios funcionários da bilheteria do West Plaza, o único shopping que contará com bilheteria será este. Porém é quase certo que em algum momento também será aberta outra na Arena Corinthians.

  2. Olá amigo comprei os ingressos no cartão do meu pai posso retirar os ingressos com procuração ? Tenho essa dúvida. Obrigado!

  3. Olá Cléber, você sabe se haverá bilheterias para retirada dos ingressos nos aeroportos do Rio, assim como aconteceu na copa do mundo?

  4. Oi boa tarde, vc sabe dizer se posso retirar os ingressos na bilheteria no dia do evento?

Comments are closed.