Deprecated: get_the_author_ID está obsoleto desde a versão 2.8.0! Use get_the_author_meta('ID') em seu lugar. in /home/pedromig/public_html/ourodetolo/wp-includes/functions.php on line 4713

Deprecated: attribute_escape está obsoleto desde a versão 2.8.0! Use esc_attr() em seu lugar. in /home/pedromig/public_html/ourodetolo/wp-includes/functions.php on line 4713

Deprecated: attribute_escape está obsoleto desde a versão 2.8.0! Use esc_attr() em seu lugar. in /home/pedromig/public_html/ourodetolo/wp-includes/functions.php on line 4713

Golpe Militar em Honduras. Clássica quartelada com apoio da elite do país.

A novidade, a princípio, decorre da condenação generalizada dos governantes da América Latina, inclusive do presidente americano Barack Obama. Entretanto, não sabemos se esta condenação generalizada terá o poder de mudar o estado das coisas no país.

Acredito, porém, que o Brasil tem lições a tomar neste processo. O presidente deposto havia sido eleito com o apoio das elites dirigentes do país, caso clássico descrito no livro que resenhei aqui tempos atrás.

Entretanto, no poder ele deu uma guinada em termos de políticas e começou a adotar medidas que desagradaram às parcelas reacionárias do país. Tais medidas reformistas não tinham o apoio do próprio partido.

Sem o apoio de seu próprio partido e tendo o Judiciário também contra, acabou ficando com uma base de apoio muito frágil. Reuniram-se Legislativo, o Supremo do país, a imprensa e os militares para apeá-lo do cargo e reimplantar as políticas de Estado “bananeiras” típicas da elite local.

Quais as lições que este acontecimento pode dar ao Brasil ? Aqui temos um quadro parecido: um presidente popular, com políticas reformistas, mas sem apoio do STF e da imprensa.

Daí entendemos o inicialmente inexplicável apoio a José Sarney: Lula sabe que, se dependesse do Dr. Gilmar Mendes e da grande imprensa, já teria sido apeado do poder faz tempo. Se perder o Legislativo, o caminho para um golpe de Estado está aberto, faltando apenas convencer as Forças Armadas.

Basta ver que setores da imprensa e do STF vêm criando factóides a fim de desmoralizar as instituições democráticas, buscando abrir caminhos para reconquistar à força o poder perdido nas eleições. Sabem também que devem ser derrotados novamente em 2010.

Traduzindo: a atividade golpista é intensa.

Portanto, aos meus 15 leitores: acompanhem com interesse os acontecimentos em Honduras. É um microcosmo do Brasil – inclusive no descolamento nítido entre as elites dirigentes e a massa da população. A nosso favor, a maior importância geopolítica do país e o maior amadurecimento das instituições.

(Com agradecimentos ao blog O Biscoito Fino e a Massa)

One Reply to “Golpe em Honduras, lições para o Brasil”

  1. Ola! Na minha leitura do presente, o gorverno Lula tem o apoio de uma grande parte da imprensa (rede globo). Em segundo lugar , a situação de Honduras hoje é semelhante a maioria dos golpes militares latino americanos da segunda metade do século XX. Já foi veiculado alguma notícia sobre o embaixador americano em Honduras ?

Comments are closed.